Mudanças que chegam com c[alma]

7.7.15















(Imagem: via)

Um dia você acorda e os dias já não são os mesmos, a rotina já não é a mesma, a vida já não é a mesma. E então você se pergunta quando foi que tudo mudou, por onde você se perdeu. E tudo vai muito além de ventos novos soprando o seu rosto, isso envolve o desconhecido, a falta do que sentir.

Quando a vida vira de cabeça para baixo e te obriga a levantar, você percebe o quanto estava acomodado à monotonia. E começa a refletir o quanto estavas distante da tua essência, das tuas vontades, do teu amor próprio. E que em alguns momentos deixou de viver para se doar, e se doou mais do que recebeu. 

Mas a vida é assim: uma caixinha de surpresas. E são essas surpresas que te permitem viver, recomeçar, se reerguer e se reinventar. Nesse recomeço você percebe que é forte, e que apesar de ter se doado tanto a ponto de se perder não há arrependimentos. Porque o sentido da vida é se doar, amar, sentir, se permitir, e dentro desse ciclo não há espaço para lamentações. No lugar de arrependimentos você coleciona experiências, experiências que ficam marcadas na tua alma.

E no final você ganha uma nova oportunidade, uma nova chance de ser feliz e se descobrir. Mas antes de dar qualquer passo você deve decidir se será capaz de encerrar essa história e partir para um novo caminho, com bagagens leves e coração vazio. E pode apostar, essa transição não é fácil, talvez seja o período mais longo de reflexão. Demorará o tempo necessário para amadurecer a decisão, e isso requer calma, requer alma.

E se bater a solidão, aproveite para senti-la. Preencha esse vazio diminuindo a distância que você está de si mesmo. Alimente seu interior com alma, mergulhe em você e permita-se sentir o amor que transborda quando você se doa para si.


You Might Also Like

2 comentários

  1. Amei a reflexão!!!! Amor próprio sempre!!! Bjks

    www.blogdaiannuzzi.com

    ResponderExcluir
  2. Que texto lindo!! Fiquei aqui imaginando em quanta coisa a gente perde por não está atento às oportunidades que aparecem à nossa volta, né? A gente é tão mais feliz quando aproveita tudo que a vida nos trás...

    Bjus!

    Na Casa de Pandora

    ResponderExcluir

Seguidores

Google+